topo

Notícias
Goiás na Frente 3º Setor incrementará programas
19/10/2017 14h31 - Atualizado em 31/10/2017 11h44

Elisângela Vieira 

O Governo de Goiás lançou, no dia 19 de outubro, uma iniciativa inédita no País de apoio às causas sociais: o Goiás na Frente 3º Setor - Social, que objetiva ampliar a rede de proteção aos que mais precisam. Os investimentos somam R$ 60 milhões. A solenidade de apresentação do programa aconteceu no Colégio da Polícia Militar de Goiás (CPMG), unidade Ayrton Senna, no Jardim Curitiba I, região Noroeste de Goiânia. Estiveram presentes o governador Marconi Perillo, o vice-governador e coordenador do Goiás na Frente, José Eliton e a vice-presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), Fabrina Müller. O diretor geral da OVG, major Augusto, representou a presidente de honra da Organização, Valéria Perillo.

 

Uma das ações previstas no Goiás na Frente 3º Setor – Social  é o Reconhece Goiás. Trata-se de um prêmio para organizações da sociedade civil sem fins lucrativos, que receberão incentivo em dinheiro para apoio de projetos e investimentos, ações e aquisições de bens. A recompensa foi instituída pela Lei 19.857, de 09 de outubro de 2017 e visa reconhecer, valorizar, estimular e dar visibilidade a práticas inovadoras na área social. As 410 instituições sociais filantrópicas cadastradas na OVG podem participar da iniciativa.

 

O Goiás na Frente 3º Setor – Social  irá incrementar programas da OVG, como Bolsa Universitária (criado em 1999 pelo Governo de Goiás e que desde então já beneficiou 180 mil estudantes) e Meninas de Luz, que encontra-se em processo de expansão no interior do Estado. Consolidada na Capital, desde 1999, a iniciativa já atendeu mais de 5 mil adolescentes e jovens grávidas, de até 21 anos, em situação de vulnerabilidade social.

 

Durante a solenidade, foi exibido um vídeo com fala da presidente de honra da OVG, Valéria Perillo. Ela afirmou que o Goiás na Frente 3º Setor – Social  é um marco na história do Estado. “É uma alegria ver a valorização de quem todos os dias dedica-se, com amor, a cuidar do outro”. A irmã Lurdes Oliveira, diretora do Centro Social Madre Eugênia, da cidade de Formosa, disse estar emocionada com a iniciativa. “Oferecemos oficinas profissionalizantes a 450 pessoas. São jovens, adultos e até idosos que passam o dia conosco, fazendo suas refeições. É um estímulo para o nosso trabalho esse reconhecimento da importância das ações sociais”.

 

O diretor geral da OVG, major Augusto, ressaltou que as instituições filantrópicas fazem um belo trabalho. “Ajudam a levar cidadania para as pessoas. Não tenho dúvidas de que o Goiás na Frente 3º Setor - Social contribuirá para que essas entidades aprimorem o seu trabalho”. O vice-governador, José Eliton, disse que o Estado tem ampliado o diálogo com os movimentos sociais. “Compartilhamos com essas entidades multiplicadoras de ações de cidadania a gestão de medidas que garantam qualidade de vida para a população”. O governador Marconi Perillo lembrou que desde sua primeira gestão sempre se preocupou em criar programas de promoção da cidadania e inclusão social. “Sabemos a necessidade de valorizar aqueles que dão o melhor de si para o próximo. Trabalhamos para criar condições para a plena emancipação e desenvolvimento dos goianos”.

 

Ações

O Goiás na Frente 3º Setor – Social  amplia o quantitativo  de beneficiários do Renda Cidadã, da Secretaria Cidadã, para 100 mil famílias. O valor pago pela iniciativa passa de R$ 80 para R$ 100. Também aumenta para cinco mil o número de atendidos pelo programa Jovem Cidadão, sendo que 10% das vagas serão destinadas a pessoas com deficiência. O Cheque Reforma, da Agehab, também irá priorizar famílias de pessoas com deficiência.

 

 

Assessoria de Comunicação e Marketing

(62) 3201-9482 / 3201-9415

www.ovg.org.br

 

SIGA A OVG NAS REDES SOCIAIS

Rua T-14, n° 249, Setor Bueno, Goiânia-GO, 74.230-130

© Copyright 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento