Notícias
Gracinha Caiado é homenageada pelo TCM

 Marcondes Franco Filho

    A primeira-dama do Estado e presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), Gracinha Caiado, foi uma das participantes na manhã desta terça-feira, 19, de uma roda de conversa organizada pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) para celebrar o Mês da Mulher. O evento também contou com a participação de Maria Teresa Garrido Santos, conselheira do Tribunal; Priscilla Tejota, vereadora de Goiânia e vice-presidente de honra da OVG, e a Procuradora Geral do Estado, Juliana Diniz. O jornalista Luiz Carlos Lopes, da Assessoria de Comunicação do TCM, foi o mediador do debate, intitulado “As Mulheres Mudam o Mundo”.

    Gracinha abriu sua participação ao destacar a importância histórica das mulheres que apareciam em fotos do painel armado no palco das apresentações, onde se via a missionária católica Madre Tereza de Calcutá, Maria da Penha Maia Fernandes, a farmacêutica cearense que, ao reagir às agressões do marido, ensejou a criação da lei de defesa da mulher, a poetisa goiana Cora Coralina, Eva Peron, primeira-dama da Argentina, a jovem paquistanesa Malala, que defendeu o direito das crianças de seu país de irem à escola, entre outras.

     A presidente de honra da OVG fez breve relato de sua vida ainda na cidade baiana de Feira de Santana, onde nasceu, e do curso de Direito. Falar inglês e saber datilografia era, segundo ela, um sonho do pai para a filha, que, na Bahia, iria participar ativamente da criação da União Democrática Ruralista (UDR) no Estado. Foi nessa época, quando tinha 25 anos, que conheceu Ronaldo Caiado.

     Gracinha citou que o lado social se insinuou muito cedo em sua vida. “Ia para as fazendas e via as dificuldades das pessoas simples e comecei a me preocupar com a carência daquela gente, que precisava do apoio do poder público para ter mais qualidade de vida”, pontuou.

 Cidadania

    Além dos dois filhos, o primeiro grande sonho realizado, disse que idealiza ser a primeira-dama de todos os goianos. “Ao término do governo, quero sair de cabeça erguida, ao constatar a melhoria e crescimento do Estado de Goiás, com o nosso trabalho de muita responsabilidade e transparência, lutando sempre pela cidadania, educação, saúde e bem-estar para o povo de Goiás”, destacou a presidente de honra da OVG.

   Gracinha Caiado falou também sobre a criação do Gabinete de Políticas Sociais, tendo como primeira ação o levantamento das carências e dificuldades dos municípios mais pobres do Estado. “Melhorar a vida de cada criança e de cada família mais necessitada de Goiás é também um sonho a ser realizado, para se tornar realidade”, frisou.  

   O presidente do Tribunal, Joaquim de Castro, agradeceu a presença das homenageadas e, dirigindo-se a Gracinha Caiado, afirmou que o TCM será um parceiro do governo do Estado no cumprimento do seu papel constitucional. “Estamos aqui para colaborar”, disse, ao agradecer às servidoras do Tribunal pela organização da homenagem às mulheres.

 

   

Assessoria de Comunicação e Marketing Institucional

(62) 3201-9482

www.ovg.org.br

 

SIGA A OVG NAS REDES SOCIAIS

Rua T-14, n° 249, Setor Bueno, Goiânia-GO, 74.230-130

© Copyright 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento