Notícias
Gracinha Caiado leva Natal do Bem para comunidades Kalunga
19/12/2019 12h01 - Atualizado em 27/12/2019 18h14

  “Hoje estou ganhando o meu presente de Natal. Eu disse que só iria passar o Natal feliz depois que eu voltasse em São Domingos, Vão de Almas e Vão do Moleque”, comemorou a presidente de honra da OVG e do Grupo Técnico Social de Goiás, a primeira-dama Gracinha Caiado. Apesar da dificuldade de acesso e da logística complicada, o “Natal do Bem”, promovido pela OVG e pelo Governo de Goiás, chegou às comunidades Kalunga, que vivem na região da Chapada dos Veadeiros, município de Cavalcante.


  A regionalização das políticas do governo Ronaldo Caiado se reflete também nas políticas sociais da OVG e do Gabinete de Polícias Sociais, que vem fazendo um trabalho direcionado às famílias em maior vulnerabilidade social no Estado, de acordo com o Índice Multidimensional de Carências das Famílias Goianas, o IMCF.


    “Sei que além disso tem muita coisa que vocês precisam. Nós nos lembramos e estamos preocupados com todos vocês. Em 2019, identificamos os municípios mais vulneráveis e trabalhamos intensamente para melhorar a vida das famílias. E nós conseguimos dar início ao movimento de superação social”, garantiu a Gracinha Caiado, em sua segunda visita ao local.


    Acompanhada pelo secretário de Esporte e Lazer, Rafael Rahif, que se fantasiou de Papai Noel e pela diretora-geral da OVG, Adryanna Melo Caiado, a primeira-dama distribuiu brinquedos, cestas de alimentos e roupas às crianças e famílias do povoado São Domingos. O Natal antecipado contou ainda com muita música, brincadeiras e com a apresentação do espetáculo de mamulengos “A Real História do Natal”, do coletivo de Arte e Educação, IpeArtes, da Secretaria de Estado de Educação.


    Em sua experiência como Papai Noel, o secretário Rafael Rahif destacou o carinho e a alegria das famílias. “Para as crianças, o Papai Noel é um ícone. Então, quando chegamos, as crianças nos abraçam, agradecem! Esse é o espírito do projeto do governador Ronaldo Caiado, de Gracinha e de Adryanna, que leva o Natal do Bem para o interior. Normalmente a gente só vê isso em cidade grande, na capital", lembrou.


    Além da entrega de presentes, uma equipe de assistentes sociais da OVG permaneceu no local para visitar todas as famílias do povoado, que conta com cerca de 300 habitantes. “A nossa equipe de assistência social vai ficar no local para ir em todas as casas e saber quais são as necessidades deles, se precisam de enxoval, se alguém precisa de uma cadeira de rodas. Com essas informações em mãos, podemos atender àqueles que mais precisam”, ressaltou Adryanna.


    Para Maria Gonçalves dos Santos, 31, moradora da comunidade, a segunda visita de Gracinha ao povoado é motivo de orgulho para todos. “Nós recebemos a primeira-dama com muito carinho e amor, porque agora São Domingos está sendo reconhecido. Antes parece que nem existia. Nós estamos muito felizes”, contou.


Solução para a falta de água


    Em sua primeira visita ao povoado, no mês de março, a primeira-dama ouviu os moradores sobre a falta de água no local. Com apenas um poço artesiano para atender a todas as famílias, e que não funciona todos os dias, a população chega a ficar mais de cinco dias sem água.


    “A Saneago já veio aqui. O governador já pediu que fizesse um levantamento. Eu quero deixar vocês tranquilos, porque eu estou olhando por vocês. O governador está olhando isso, e nós vamos resolver. Estamos olhando para tentar resolver ou com um novo poço artesiano ou puxar [a água] por gravidade. O governador está vendo qual é a melhor forma de fazermos isso”, garantiu.


    Adir Soares, 62, está confiante que na gestão de Ronaldo Caiado a realidade do povoado vai mudar para melhor e reforçou que as portas da comunidade estão abertas à primeira-dama. “Aqui ninguém sabia quem estava comendo nem quem estava bebendo, mas a senhora é a pessoa que mais se aproximou, que veio nos conhecer de perto para saber se bebe ou se come”, agradeceu.


Vão de Almas e Vão do Moleque


    No Vão do Moleque, a festa foi realizada no Colégio Estadual Calunga I. O local é conhecido como Maidinha e também abriga a capela de Santo Antônio. Na programação do Natal do Bem, as mulheres da comunidade realizaram uma apresentação da Sussa, tradicional dança Kalunga.


    “Fiz questão de voltar aqui, pois quero que vocês tenham a tranquilidade de saber que o Governo de Goiás e a OVG querem cuidar de vocês, que vamos mudar a vida dos Kalunga”, afirmou Gracinha Caiado.


    Em setembro deste ano, o governador Ronaldo Caiado participou da Romaria de Nossa Senhora do Livramento e também visitou moradores do Vão do Moleque. Na ocasião, o democrata anunciou que, em breve, estará em operação no Estado um caminhão itinerante da Saúde.


    “O Nordeste Goiano tem uma carência muita grande. Nós não temos na região os exames que são obrigatórios, para fazermos nas mulheres, a partir dos 50 anos, em relação ao câncer de mama, o câncer de colo de útero, que são os mais frequentes e, quando diagnosticados precocemente, as pessoas têm uma melhor qualidade de vida. Há cura quando tem tratamento correto”, explicou à época, ao reforçar que os atendimentos humanizados em Saúde são também prioridade da sua gestão.


    Durante o Natal do Bem, as crianças se encantaram com a presença do Papai Noel e receberam brinquedos, como bolas, bonecas, jogos e carrinhos. “É muito especial está aqui e ver a alegria desses meninos e meninas. Eu perguntei para uma das crianças se já tinha visto Papai Noel e ela respondeu que nunca. Então é muito gratificante estar aqui proporcionando essa felicidade”, celebrou Adryanna Melo Caiado.


    De acordo com os próprios moradores da região, nunca antes o Governo havia distribuído brinquedos no Natal. Pela dificuldade do acesso, por estradas de chão, as comunidades acabam ficando isoladas durante o período chuvoso.


    “A gente ficou muito ansioso por esse dia. Acordei cedo para arrumar a meninada. Estavam ansiosos para ganhar um brinquedo, coisa rara por aqui”, afirmou Ilda Pereira dos Santos, 27 anos, que junto com os quatro filhos andou mais de uma hora a cavalo para chegar à festa do Natal do Bem.


    Pedra Silva Santiago, 41 anos, ficou feliz com a visita e as doações. “A vida aqui é muito difícil. Então o dia de hoje é de muita alegria. Estamos ganhando coisas que precisamos muito. O Natal das crianças será diferente este ano com brinquedo novo”, comemorou a moradora da comunidade.


    No Vão de Almas, a festa seguiu animada com a distribuição de brinquedos, roupas e alimentos aos moradores da comunidade. Gracinha Caiado reafirmou que, nos próximos três anos, o Governo de Goiás continuará privilegiando o atendimento aos mais carentes e àqueles que foram esquecidos nos últimos 20 anos.


   Segundo a primeira-dama, nenhuma distância ou dificuldade geográfica impedirá que todos os goianos sejam tratados com dignidade. “Isso daqui não é um favor, não é bondade. O que nós estamos promovendo para as comunidades Kalunga é garantir o direito de vocês, como cidadãos. Neste governo, ninguém será esquecido. Contem sempre com o governador Ronaldo Caiado e comigo”, arrematou.

 

 

 

 

 

SIGA A OVG NAS REDES SOCIAIS

Rua T-14, n° 249, Setor Bueno, Goiânia-GO, 74.230-130

© Copyright 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento