Notícias
Governo sanciona lei e cria o ProBem

Lucas Dellamare

   O Governo de Goiás publicou, nesta terça-feira (05/01), no Diário Oficial do Estado, a Lei nº 20.957, sancionada pelo governador Ronaldo Caiado, que cria o Programa Universitário do Bem (ProBem). O programa vai auxiliar no custeio das mensalidades do ensino superior, além de fazer mediação e integração de estudantes com órgãos e entidades públicas, organizações não governamentais e empresas privadas por meio de um Banco de Oportunidades. A iniciativa, que é mantida pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), tem o objetivo de promover o desenvolvimento social e econômico do Estado por meio da oferta de bolsas de estudos parciais e integrais para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

 

   O novo programa vai democratizar o acesso ao ensino superior ao usar um banco de dados nacional, capaz de identificar as famílias mais vulneráveis em cada um dos municípios goianos. A seleção dos bolsistas levará em conta a condição de vida da família, não apenas a renda, avaliando os dados do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), tais como: qualidade da moradia, inscrição em programas sociais e dificuldade de acesso à educação, inclusive com a análise da existência de familiares (como pais) analfabetos ou semianalfabetos.

 

  A presidente de honra da OVG e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais, primeira-dama Gracinha Caiado, destaca que o ProBem é um conjunto de medidas de proteção àqueles que realmente vivem na vulnerabilidade. “Eu fico muito feliz diante desse novo programa do Governo de Goiás e da OVG, pois pretendemos identificar, por meio do Cadastro Único, os jovens mais carentes para que eles tenham oportunidade de cursar a universidade. Nada insere melhor um jovem no mercado de trabalho do que a oportunidade de estudar. Nossa grande preocupação é essa”, enfatiza Gracinha Caiado.

 

  De acordo com a diretora do ProBem, Rúbia Prado, o novo programa destinará parte das vagas às chamadas profissões do futuro e para aquelas áreas de formação que atendam às demandas por mão de obra em todas as regiões do Estado. “Uma das nossas preocupações é com a mudança de vida dos estudantes beneficiários após a formatura, ou seja, sua inserção no mercado de trabalho. Por isso, parte das bolsas será reservada para profissões com potencial de valorização, que são as profissões do futuro, e àquelas áreas que contribuem com o desenvolvimento da região em que o bolsista vive”, explica Rúbia.  Segundo a diretora, a escolha desses cursos será baseada em estudos elaborados pelo Instituto Mauro Borges (IMB) e pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg).

 

  Serão concedidas bolsas integrais e parciais que corresponderão a 100% e 50% do valor da mensalidade, que serão repassadas diretamente à Instituição de Ensino Superior (IES) pela administração do ProBem. Para a maioria dos cursos, as bolsas parciais serão de até R$ 650 e as integrais chegarão a até R$ 1,5 mil. Para Medicina e Odontologia os valores alcançarão até R$ 2,9 mil para bolsa parcial e até R$ 5,8 mil para integral. Os valores serão reajustados de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

 

  Na avaliação da diretora-g eral da OVG, Adryanna Melo Caiado, mais que a oportunidade do ensino superior, o Programa Universitário do Bem aproximará os estudantes da sua área de atuação por meio do Banco de Oportunidades. “Com o ProBem, nós conseguiremos fazer uma mediação entre esses estudantes e as entidades parceiras da OVG. Será a oportunidade de aprimorar os próprios conhecimentos e contribuir ativamente com a sociedade”, cita. Adryanna destaca que toda essa trajetória do universitário enquanto bolsista será sustentada por três pilares: experiência profissional, realização de cursos de aperfeiçoamento e participação em ações sociais. “Com essa formação técnica e humana, teremos profissionais ainda mais preparados”, frisa.

 

Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) - Governo de Goiás

SIGA A OVG NAS REDES SOCIAIS

Rua T-14, n° 249, Setor Bueno, Goiânia-GO, 74.230-130

© Copyright 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento